A importancia do ácido fólico pra nós Treinantes

quarta-feira, agosto 18  às 2:48 PM
Toda mulher que deseja ter um filho precisa redobrar a atenção para a sua alimentação e hábitos. Os cuidados com a gravidez devem ser tomados antes mesmo da mamãe estar grávida. Um bom planejamento para os próximos nove meses diminui, e muito, as chances de alguma alteração congênita no bebê.
Portanto, saber o que comer neste período é fundamental. Digo isso porque toda futura mamãe precisa guardar esse nome na agenda: Ácido Fólico, que é uma vitamina do complexo B, também conhecido como vitamina B9 ou vitamina M, tem como função ajudar a produzir o sangue extra que o seu corpo necessita durante a gravidez; para além disso também ajuda a prevenir defeitos de nascença do bebé como a espinha bífida.
O ácido fólico pode ser ingerido através de suplementos multivitamínicos especialmente os pré-natais, mas está presente no espinafre, aspargo, brócolis, vegetais de folhas verde-escuras, fígado, frutas cítricas e gema de ovo, cereais integrais, leguminosas, lentilhas, espargos, feijão preto, amendoins.

Quando tomar ácido fólico
O ácido fólico, idealmente, deve ser ingerido 3 meses antes da concepção, mas no mínimo 1 mês antes, diariamente, numa dose ideal de 4 miligramas, devendo continuar a ser ingerido especialmente durante o primeiro trimestre da gravidez.

Riscos de não tomar ácido fólico
A falta de ingestão de ácido fólico aumenta a probabilidade de problemas no tubo neural do bebé, que é um problema que afecta o desenvolvimento da espinal medula. Se todas as mulheres tomassem a dose adequada de ácido fólico antes da concepção e durante a gravidez, 50 a 70% dos defeitos do tubo neural seriam prevenidos.
A espinha bífida é uma condição em que a espinal medula fica exposta. Se as vértebras da coluna vertebral que rodeiam a espinal medula não fecharem correctamente durante os primeiros 28 dias depois da fertilização, o cordão de nervos da espinal medula poderá malformar-se especialmente na parte inferior da coluna. Isto pode provocar danos no sistema nervoso central.
A Anencefalia é outra das consequências que pode ocorrer, que é um severo subdesenvolvimento do cérebro.

Lembrete - Não adiante ingerir a vitamina quando a mamãe descobre que está grávida. Normalmente quando se descobre a gestação, o tubo neural já se formou e não há mais tempo do ácido fólico agir.
Uma mamãe bem atenta e cuidadosa, que consulta seu médico antes de engravidar e recebe todas as orientações do pré-natal, pode reduzir os riscos do seu bebê nascer com algum tipo de problema.
 
Fonte:  De Mãe para Mãe e Guia do Bebe

1 comentários:

Meu diário... disse...

Realmente este acido folico é fundamental pra nós, futuras mamães....Boa postagem!
Bjs

Postar um comentário